Catia Dal Molin

Sou ítalo-brasileira, nascida em Santa Maria, sul do Brasil, e vivo em Castelfranco Veneto (Treviso), na região do Vêneto há mais de 15 anos.

Sou mestre em História pela UPF, de Passo Fundo, pesquiso, escrevo e organizo livros e projetos, na Itália e no Brasil, sobre a cultura dos nossos antepassados italianos, fui professora no Departamento de Ciências Sociais e Humanas da UFSM. Participei como palestrante em eventos de importância internacional como o Rootstech2022, o maior evento mundial de genealogia, promovido pelo FamilySearch. Faço oficinas para crianças e adultos sobre a cultura e história italiana.

Faço parte do CEMIDI, Centro de Estudos Internacionais Mobilidades, Imigrações e Diásporas do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade do Vale do Rio dos Sinos, em Porto Alegre, sob a coordenação da Profa Dra Maíra Ines Vendrame.

Sempre trabalhei em prol da cultura italiana: na Rádio Imembuí, no Jornal A Razão, colaborei com diversas Associações Italianas, gemellaggi, organizei vários eventos e grupos de italianos e brasileiros, na Itália e no Brasil. Na Itália faço parte do grupo histórico Le Arti per Via, de Bassano del Grappa.

Em 2019 criei o projeto Gens Turismo Genealógico Itália e Gens Turismo delle Radici, uma proposta inovadora de Slow Travel (turismo lento). E sou acompanhante turística credenciada na Itália.

Organizei os livros: Senza Ritorno a emigração italiana para o Brasil (em português, italiano e talian), Mordaça Verde e Amarela: imigrantes e descendentes no Estado Novo , Ti tasi sempre ti parli mai (publicado na Itália) e Ti tazi senpre te parli mai (versão bilingue, talian/italiano), participei com textos em importantes obras como 150 anos da imigração italiana no RS, de Ademir Bacca e Luis Rocha e Merica Merica Merica: basta de misèria , de Franco Rebellato (publicado na Itália) e com o prefácio na obra 20 Vêneto, de Gláucia e Andreia Grigolo.

Sempre trabalhei em prol da cultura italiana: na Rádio Imembuí, no Jornal A Razão, colaborei com diversas Associações Italianas, gemellaggi, organizei vários eventos e grupos de italianos e brasileiros, na Itália e no Brasil. Na Itália faço parte do grupo histórico Le Arti per Via, de Bassano del Grappa.

Em 2019 criei o projeto Gens Turismo Genealógico Itália e Gens Turismo delle Radici, uma proposta inovadora de Slow Travel (turismo lento). E sou acompanhante turística credenciada na Itália.

Organizei os livros: Senza Ritorno a emigração italiana para o Brasil (em português, italiano e talian), Mordaça Verde e Amarela: imigrantes e descendentes no Estado Novo , Ti tasi sempre ti parli mai (publicado na Itália) e Ti tazi senpre te parli mai (versão bilingue, talian/italiano), participei com textos em importantes obras como 150 anos da imigração italiana no RS, de Ademir Bacca e Luis Rocha e Merica Merica Merica: basta de misèria , de Franco Rebellato (publicado na Itália) e com o prefácio na obra 20 Vêneto, de Gláucia e Andreia Grigolo.

O QUE NOSSOS CLIENTES DIZEM
Simone A.

O que era para ser só uma viagem à terra natal dos meus bisavós, se tornou um sonho inimaginável! O único trabalho que tive foi de escolher uma data apropriada para mim e minha família. Você moveu céus e montanhas para conseguir alguém que pudesse abrir a igreja (fechada pela pandemia) onde minha bisavó foi batizada e se casou… E ao entrar na igreja, eu não podia acreditar na surpresa, você contatou minha família e ainda conseguiu fazer com que viessem para me conhecer! A família da minha bisavó ou melhor minha também! Percebi que aquela viagem era o retorno ao passado. Uma mistura de paz e plenitude me invadiu no momento que adentrei pelo jardim ao seu lado Catia, como nunca senti antes.  Sozinha, nada disso teria acontecido! Grazie mille!!

Raphael de M. P.

Ter ido para Piavon e Chiarano para mim foi um sonho de verdade, foi algo que parecia tão distante que não tenho nem palavras para agradecer. Eu enxerguei uma oportunidade de descobrir um pouquinho mais da minha história. Ter estado lá para mim foi como se eu pudesse dar um presente para toda a minha família, para as todas as minhas gerações atuais e passadas. Eu só tenho a agradecer pela sua ajuda, sem você eu não chegaria lá. É realmente muito emocionante o trabalho que você faz. Um trabalho que não tem como medir o valor. Agradeço mais uma vez e espero que você continue ajudando outras pessoas a retornarem às origens.

Claudia P.

Muito emocionante, Catia! Obrigada por proporcionar momentos como esses para as pessoas que buscam suas origens!

Lessandra C.

Agradecemos a Catia pela programação impecável e pela oportunidade de resgate das origens da família Cauduro. Tivemos muita emoção, diversão e história nesse roteiro pelo Montello.

Natali

Con il tuo aiuto potremmo ridare un luogo per le storie ed una sepoltura onorata per i nostri. È un richiamo dell’anima e tu sei quella che va davanti con la torcia in una sala buia. Con il tuo aiuto piano piano tutto prende forma e ci rendiamo conto di trovarci in una camera affrescata dappertutto. Grazie.

Na Mídia
O que a mídia está falando sobre o turismo genealógico, turismo delle radice e sobre o trabalho da Gens:
Nonno José torna alla terra d’origine dopo quasi un secolo – Fanpage.it
O que a mídia está falando sobre o turismo genealógico, turismo delle radice e sobre o trabalho da Gens:
Nonno José torna alla terra d’origine dopo quasi un secolo – Fanpage.it
Catia, dal Brasile al paese della nonna in Veneto: «Porto in tour i discendenti degli emigrati» – CorrieredelVeneto.it
Turismo genealogico ou delle radici
Treviso, dal Brasile a Piavon per incontrare gli avi: il viaggio di Raphael nelle radici della storia – CorrieredelVeneto.it
Turismo genealogico ou delle radici
Turismo Genealogico: Alla scoperta delle proprie radici – Rivista Bassano News
Bassano News
Turismo Genealógico: de onde vim e para onde devo ir buscando conhecer as minhas origens – Jornal Correio Livre Nova Bassano, RS, Brasil
Gens turismo genealogico
Catia Dal Molin: «Porto gli emigrati a vedere le terre d’origine e i loro nipoti nei paesi che accolsero i nonni.» – Jornal La Tribuna di Treviso
O turismo genealógico ganha destaque na procura de suas raízes em meio as histórias vividas por seus antepassados – Jornal O Hoje de Goiania
Gens turismo delle radici
Missão

Quero poder fazer sentir aos italo-descendentes a emoção que vivi conhecendo as cidades italianas de origem dos meus antepassados, contado com grande amor, respeito e nostalgia pelos meus bisavós emigrados no sul do Brasil. Um amor profundo capaz de ser transmitindo de geração em  geração até os dias atuais e que os fez amar essa terra sem nunca a terem conhecido. Acredito que todos devem (re)encontrar a sua história!

O Turismo Genealógico requer paixão, muita pesquisa, conhecimento do território, além da experiência e sensibilidade, é muito além de ver com os olhos, é sentir com o coração!

Gens - Valores
Valores
  • Resgatar a sua história familiar, proporcionando aos clientes emoções únicas e viagens personalizadas.
  • Trabalhar com a emoção e a paixão que me caracterizada,  fazendo “minha” a história de cada família. 
  • Valorizar as pequenas localidades, os eventos e produtos do território, as rotas alternativas, o Slow Tourism (Turismo lento).
INSCREVA-SE NA NEWSLETTER E RECEBA O MODELO
DE UMA ÁRVORE GENEALOGICA